quarta-feira, julho 09, 2008

Apesar de não gostar particularmente de trufas...

... este blogue apoia efusivamente Bento dos Santos e deplora as recentes acusações de elitismo culinário de que ele foi alvo. As férias acabaram. Alguém invadiu o quintal na minha ausência. Desapareceram dezenas de laranjas pré-podres, o que agradeço. Também desapareceram as silvas e o lixo, o que agradeço. Deixaram a sachola, o ancinho e o balde, um gesto certamente admonitório. Prometo ter isto em melhor estado da próxima vez que vierem cá roubar laranjas. Não vi a final de Wimbledon. Apenas um mini-resumo, e as fotos nos jornais. Federer com cara de quem chegou de férias para encontrar um quintal sem laranjas. Andava há anos a tentar perder um jogo em Wimbledon, coitado. A selecção ainda não tem seleccionador. Mas o seleccionador tem um perfil. Nada me assusta mais no futebol do que o perfil. Nem mesmo o projecto. Sempre que o Sporting formula um projecto para contratar um jogador que encaixe num perfil, temos de passar o Verão seguinte à procura de colocação para o Milan Purovic. O perfil do novo seleccionador, segundo o projecto idealizado por Gilberto Madaíl, assenta no domínio do português, o que exclui automaticamente Hiddink, Pekerman e Humberto Coelho. Não há nada a fazer. Descobri há menos de vinte e quatro horas que todos os textos de Edmund Wilson incluídos nas recentes edições da Library of America (à venda na Amazon por uma quantia incomportável para o meu projecto) estão disponíveis online, gratuita e ilegalissimamente. Disponibilizarei o endereço a todos os interessados que tenham o perfil adequado.

4 comentários:

Lourenço Cordeiro disse...

Percebi neste momento que estagiava em mim uma pulsão que me dirigia ao Bento dos Santos desde que vi o programa do provedor da RTP. Eu não o sabia, mas é óbvio que a minha solidariedade está desde a primeira hora com o homem da trufa. E adianto que há um restaurante italiano no Bairro Alto que tem um prato com trufa a preço acessível, embora eu nunca o tenha provado.

Anónimo disse...

"Ilegalíssimamente"?
Não encaixas no perfil para seleccionador nacional.

R. Casanova disse...

Obrigado, mãe. Já corrigi. Para a próxima pode telefonar.

Anónimo disse...

De nada. Anda uma mãe a pagar escolas no estrangeiro para isto...
Mãe