segunda-feira, fevereiro 16, 2009

Algumas citações da Biografia Não Autorizada de Tom Cruise (que os meus patrões me obrigaram a ler, no que assumo ter sido uma praxe atrasada)



«Observava os padres e dizia, oiçam, é isto que eu vou fazer»;

«Não posso ir. Eles vão comer-me vivo»;

«O fracasso é um companheiro silencioso e tristonho»;

«Quando comecei a filmar, tive de comprar um dicionário»;

«Paul Newman, um ícone da tela caracterizado por uns penetrantes olhos azuis e pelo à-vontade»;

«Toda a Humanidade rastejará aos meus pés sem saber porquê»;

«Sexo, sexo e nada mais do que sexo»;

«Flo suicidou-se em 1985 com três tiros de espingarda»;

«Os homens que são obcecados por tecidos denotam uma natureza feminina»;

«Ao que parece, ninguém gosta de estar só»;

«Pode passar-se horas a falar com o polegar, o cotovelo ou o olho do cu, mas nunca se será um semideus por isso»;

«A princesa preferia homens altos»;

«Em seguida o churrasco incendiou-se, Tom atirou-o borda fora»;

«Várias vezes ao dia, Tom pegava no seu electropsicómetro e prescrutava o corpo em busca de espíritos maléficos»;

«Na verdade, é difícil enviar ao domicílio tigres a sério»;

«Quando anunciou que tencionava comer a placenta do bebé, ninguém se surpreendeu por aí além»

«Ela dava de mamar à filha e ele fazia-a arrotar»

«A Alemanha é um território altamente desejável»

12 comentários:

Margarida Pereira disse...

E com isto, o livro vai rivalizar com o do Bruno Nogueira.
E quejandos (e o que gosto desta palavrinha...).

A.R.Ray disse...

Se isso é o pior que descobriste numa biografia não autorizada é porque o homem não interessa nem ao menino Jesus.
A rebelo pinto consegue escrever melhor mesmo com o copy paste!

Plúvio disse...

E com que aparelhómetro se perscrutava o Tom?

R. Casanova disse...

Só quero deixar bem claro, na face de um ataque violento conjunto das duas pessoas que se costumam concentrar sempre nas coisas erradas (nomeadamente o Plúvio e a minha mãe) que em nenhum momento do livro se afirma que o Tom prescruta alguma coisa, apenas que perscruta.

LB disse...

Recomendo vivamente o visionamento deste video.

Lourenço Cordeiro disse...

A capa é feia.

Maria das Flores disse...

Que bela praxe, benz'os deus. Gostei muito.

Anónimo disse...

Pois eu cá gostei muito da escrita do senhor Morton, embora ele não chegue aos calcanhares do senhor Carlos Castro.

Obrigada,

Soraia Vanessa

de.puta.madre disse...

As coisas eu acabo a ler sem saber como ;)

indigente andrajoso disse...

xiça... bela praxe...

D. Ester disse...

Afinal de contas, o homem comeu ou não a placenta?

rosilene disse...

Andrew Morton deve ser presidente da Liga dos Cachorros. Por isso persegue esse gato.
De mais a mais, quem se importa com as tolices que Tom Cruise diz? Parece óbvio que a natureza fez esse homem para ser visto, não ouvido.
Rosilene