terça-feira, março 15, 2011

É um suspiro que será dado por mim. Hei-de saber arranjar um esquema para suspirar.

«Que dinheiro teria disponível para contratação de jogadores para a próxima época?

Não sei, mas não estou muito preocupado. É um orçamento que será feito por mim. Hei-de saber arranjar um esquema para saber montar... e se não souber, saberão outras pessoas por mim. Há esquemas de engenharia financeira para montar uma equipa competitiva.»

(Dias Ferreira, entrevista ao SOL, 11/03/2011)

10 comentários:

Douglas, aquele que uma vez marcou um golo de calcanhar contra o Chaves disse...

Ok, esquece o Futre, afinal.

Vais ter de votar no Juiz desembargador com olhar à Medeiros Ferreira, pá!

ressiste disse...

Fucki'n brilliant.

Filipe disse...

o sol ainda existe?

R. Casanova disse...

"o sol ainda existe?"

Não costumo aceitar versos de poesia na caixa de comentários, mas desta vez passa.

Mr.FC disse...

Quem duvida daquele olhar à pirata com o seu sportinguismo de capa e espada não percebe nada de Sporting.

O mais peor disse...

a mãe do Dias Ferreira quis ganhar e ganhou a sua vida aos beijinhos, deixando que mechessem-lhe nos vestidos e arria-se-lhem as fraldinhas á vontade ali á beira do Douro; e c'os maridos ameaçando boxal-a, á ingleza, ela, coitada, vendo o seu coração mal comprehendido, pariu á solteirona este néné que, numa legítima sportinguice, passou a cofiar melacolicamente a pentelheira da empenada figura que o pariu.

Lourenço Cordeiro disse...

Uma coisa é certa: a mentir é que o gajo não está. (Não foi o Miguel Esteves Cardoso - tinha escrito "Cardozo" - que disse um dia que os problemas do país seriam muito melhor resolvidos se os ministros passassem a responder às perguntas dos jornalistas com um «não sei, logo se vê? Isto é o «não sei, logo se vê» do Dias Ferreira, não vejo mal nenhum nisto, não sei se isto é pior do que «os russos».)

Anónimo disse...

Óbvio, entre isto e os russos que metem aqui 50 milhões por amor Sporting, venha o diabo e escolha.

Por amor de deus, tu queres o Inácio a director? Mais o Virgílio?

Eu percebo que gostem de ouvir o rapaz, que o rapaz anime o espírito num debate face ao iPdad do Godinho e o Ba ba baltazar. Mas russos? Com 50 milhões? Só porque sim? E não podem vir cá os russos a Lisboa se isto tanto lhes interessa? É preciso o Bruno ir a Moscovo? E a CMVC come o fundo sem chatices?

Mais o Inácio e o Virgílio na estrutura directiva? Não se arranja mais ninguém? Mais os gritos histéricos de defesa do Eduardo Barroso?

Isto tem pouco de Obama, pá.

Tolan disse...

Vocês agora vão passar pela fase Valle e Azevedo do Sporting.

Nico Schella disse...

Uma coisa é certa, este nem se preocupou em tentar enganar ninguém com histórias da carochinha.

Tem treinador, tem director desportivo. Não tem mais nada, mas também não há que duvidar do homem. :D